Londrina recebeu o 12º Encontro Nacional de Astronomia

Evento, que aconteceu na UEL, reuniu cerca de mil pessoas interessadas em divulgar e discutir a astronomia

Exposição..

Pauta: Ana Carolina Contato
Reportagem: Guilherme Popolin
Edição: Kauana Neves

A Universidade Estadual de Londrina (UEL) recebeu nos dias 31 de Outubro e 1º de Novembro, o 12º Encontro Nacional de Astronomia (ENAST).O evento, que é um dos mais importantes da América Latina, reuniu astrônomos profissionais, amadores e a comunidade em geral. Como parte das comemorações do ano internacional da astronomia, também foram realizados o 1º Encontro Brasileiro de Observadores de Cometas (EBOC) e o 1º Encontro Latino-Americano de Astronomia (ELAST), que aconteceram simultaneamente.

Segundo Miguel Fernando Moreno, astrônomo amador e coordenador do evento, o ENAST começou como um encontro de astrônomos amadores e pessoas que tinham interesse pela astronomia. “Hoje, contamos com cerca de mil participantes, desde o mais leigo ao mais profissional, justamente para poder fundir os esforços para divulgar a astronomia”, afirma.

O coordenador explica que o empenho e os trabalhos do Grupo de Estudo e Divulgação de Astronomia de Londrina (GEDAL), o qual é presidente, foram fatores primordiais para que a cidade de Londrina fosse aceita, em 2007, como a sede do ENAST em 2009. “Esse é o maior evento de astronomia que já aconteceu no Brasil, e leva o nome de Londrina e da UEL para o país todo. Mostramos que a astronomia é mais que ficar olhando o céu com telescópio a procura de estrelas”, completa Moreno. O GEDAL é uma associação civil sem fins lucrativos formado por indivíduos das mais variadas formações culturais e profissionais.O grupo promove observações, palestras e eventos em prol da divulgação da astronomia.

Várias atividades foram oferecidas aos participantes do 12º ENAST /1º ELAST, como palestras e exposição de painéis, divididos nas áreas de ensino, pesquisa e construção amadora de telescópio. Também foram ministrados mini-cursos específicos para professores do ensino fundamental e médio, auxiliando os docentes a desenvolverem atividades relacionadas à astronomia com seus respectivos alunos. Os mini-cursos tratavam de diversas temáticas, desde formas de reconhecimento do céu à introdução meteorítica e análise e classificação de meteoritos.

Para contemplar o público mais jovem, ocorreram apresentações para estudantes de ensino fundamental e médio (“ENASTINHO”), que de forma lúdica e didática, promoveram uma melhor compreensão das questões astronômicas e instigaram uma maior curiosidade pelo cosmos. As pessoas que participaram do ENAST também puderam conferir a exposição de instrumentos astronômicos, que foi aberta ao público, e aproveitar a Astrofesta, em que vários equipamentos foram montados, a fim de observar o céu, que na noite do dia 31 estava com a lua cheia. O evento contou com a ajuda de vários patrocinadores, o que possibilitou que fosse gratuito e oferecido a uma grande parcela de interessados, de leigos a especialistas.

Como parte da programação, foram realizados uma exposição e um concurso de astrofotografias. O administrador e astrônomo amador, Sandro Vieira Rosa, do Clube de Astronomia de Brasília, expôs o seu trabalho e explicou que as fotografias são feitas com equipamentos astronômicos, sendo a grande maioria com câmeras fotográficas semiprofissionais, que são encaixadas diretamente no telescópio.A exposição foi aberta a todos que tivessem uma astrofotografia, e os ganhadores do concurso receberam prêmios fornecidos pelos patrocinadores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: