A importância do mapeamento científico

Projeto analisa produção científica nacional no âmbito do ciberespaço e motores de busca

De acordo com a professora Nelma Araújo os motores de busca são rastreadores de informação e funcionam como garimpadores

Edição: Tatiane Hirata
Pauta: Laura Almeida
Reportagem: Deborah Vacari
“Ciberespaço é a relação das pessoas com os diversos meios eletrônicos”, explica a professora Nelma Camelo Araújo*, coordenadora do projeto “Produção Científica Nacional sobre Ciberespaço e Motores de busca”, que tem como objetivo mapear a produção científica nacional sobre a temática no período de 2000 a 2009. Esse estudo está vinculado a outro, denominado “Os mecanismos de busca: investigação das múltiplas sintaxes de organização e busca de informação e conhecimento”, coordenado pela professora Dra. Silvana Drumond Monteiro**. As pesquisas, que caracterizam o projeto como um trabalho científico, pertencem ao Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina.
O projeto sobre “produção científica” dá subsídio ao que investiga as “múltiplas sintaxes de organização” – explica a professora Nelma Araújo – “aquele tem como atribuição fazer o levantamento dos corpus teórico, quem são as pessoas que estão produzindo nessa área, grupos de pesquisa e também áreas do conhecimento que vem desenvolvendo esse trabalho”, acrescenta.
De acordo com a professora Nelma Araújo os motores de busca são rastreadores de informação e funcionam como garimpadores. “Estes estão sendo analisados em sua forma organizacional”, descreve.

Com o levantamento de informações já feito pelo projeto “produção científica” a professora Nelma Araújo destaca que “o tema motores de busca é mais estudado por pessoas que  têm vínculo com a área da computação, já o ciberespaço é mais estudado na área de comunicação, pelo fato de as pessoas trabalharem com as diversas mídias”.

A professora Nelma Araújo revela que estão em fase de conclusão as análises que responderão questões como “quais são os grupos de pesquisa que existem no Brasil, quais são as áreas que mais escrevem sobre esse assunto e quem são esses pesquisadores”. Com os dados obtidos, o passo seguinte será a produção de um artigo.
A produção nacional em ambas as áreas – ciberespaço e motores de busca –  segundo a coordenadora Nelma Araújo, é significativa. “As pessoas associam, no campo da comunicação, o ciberespaço à questão das mídias”. No âmbito dos motores de busca, Nelma Araújo ressalta que a produção já não é tão consistente, porque muda o contexto: “as pessoas da área de informática definem motores de busca como alimento fundamental para esses grandes agentes: Google e Yahoo”.
Para coleta de dados, foram feitas buscas no: Google, Google Escolar, Periódico Capes*** e, para reunir mais informações sobre os professores, buscou-se o Curriculum Lattes e, por consequência, os grupos de pesquisa. “Fomos nas bases direcionadas para a produção acadêmica de artigos de grupos de pesquisadores”, expõe a coordenadora Nelma Araújo.
Sobre o período escolhido para se fazer o estudo, que compreende de 2000 a 2009, a professora Nelma Araújo explica: “escolhemos essa época porque foi a do boom desses recursos no Brasil. Há, nesse período, uma disseminação muito grande de equipamentos”.
*Nelma Camelo Araújo possui graduação em Biblioteconomia (1990), especialização em Gestão Estratégica da Informação (2000) pela Universidade Federal de Minas Gerais e mestrado em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005).
** Silvana Drumond Monteiro possui graduação em Biblioteconomia pela Universidade Estadual de Londrina (1984), mestrado em Ciência da Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1996) e  doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2003)

***No Portal periódico.capes professores, pesquisadores, alunos e funcionários de 268 instituições de ensino superior e de pesquisa em todo o país têm acesso imediato à produção científica mundial atualizada através deste serviço oferecido pela CAPES. Esse portal oferece acesso aos textos completos de artigos selecionados de mais de 15.475 revistas internacionais, nacionais e estrangeiras e 126 bases de dados com resumos de documentos em todas as áreas do conhecimento.

Crédito da imagem: http://www.planetaeducacao.com.br/portal/artigo.asp?artigo=635

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: