Casamento coletivo reúne 197 casais na UEL

A união civil gratuita visa oficializar a união de casais como forma de promover a integração entre universidade e sociedade

O casamento reuniu 197 casais e teve a participão da orquestra da UEL

 

 

Edição: Karina Constancio
Pauta: Cláudia Yukari Hirafuji
Reportagem: Milliane Lauize

O casamento coletivo, realizado no último dia 21 de maio, reuniu 197 casais na Universidade Estadual de Londrina (UEL), como parte das comemorações dos 40 anos da instituição. A cerimônia teve início as 10 horas no Ginásio João Santana, no Centro de Educação Física e Esporte (CEFE) e teve a participação de casais com faixa etária de 16 a 87 anos. “Esse ano nós quisemos tornar a festa maior, por isso, resolvemos fazer no mês de maio, o mês das noivas e a procura foi muito grande. O casamento coletivo é um evento importante tanto para a universidade quanto para quem recebe gratuitamente a oficialização”, conta a professora doutora Cristiane de Conti Medina, diretora do PROEX. Ela possui graduação em Agronomia pela Universidade Estadual de Londrina, mestrado e doutorado em Agronomia (Energia na Agricultura e Agricultura) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Os preparativos para a decoração da cerimônica começaram na sexta-feira com a arrumação do local. As noivas que quiseram fazer a maquiagem chegaram cedo, às 6h30. O evento contou com a participação da Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual de Londrina (OSUEL) e com dois juízes de paz dos cartórios Pires e Julião para atender os casais. Muitos dos noivos usaram os trajes tradicionais, noivas com direito à vestido e buquê e os noivos de ternos.

Cristiane de Conti Medina conta que fizeram tudo o que uma cerimônia pede. “Quando fizemos uma reunião para explicar como seria o casamento, nós entregamos quatro convites para cada casal distribuir para os familiares. Eles ficaram bastante felizes porque tudo o que precisa para um casamento nós cumprimos. Tem a música, o convite, a maquiagem. Tudo o que está em nosso alcance, nós oferecemos para esses casais”, afirma.

A seleção dos casais foi feita pelo Serviço Social do Comércio (SESC) de acordo com a da condição sócio-econômica de cada um, ou seja, aqueles que tinham renda de até três salários mínimos. “São famílias carentes que buscam esse casamento exatamente para conseguir resolver algumas questões, principalmente de documentação, como questão de pensão, aposentadoria, documentação de filhos, herança e partilha de bens. Isso tudo depende da oficialização da união. Como eles não têm recurso para pagar essas taxas no cartório, a universidade, com apoio desses órgãos, oferece isso gratuitamente”, comenta a diretora.

A maioria dos casais já tem filhos e moram juntos. “Nós estávamos sem dinheiro, estou grávida de nove meses e já moramos juntos” conta a noiva Leislaine Souza Melo Damacelo de 16 anos. Durante a assinatura dos papéis, o senhor Licer Ferreira da Silva, 86 anos, estava esperando para ver se poderia participar, pois esqueceu a data de inscrição e queria oficializar sua união com Santina da Silva Lisboa de 77 anos. “Eu perdi a data de inscrição, mas vim aqui tentar casar. A religião da Santina não permite morarmos juntos sem estar casado e como queremos ficar um com o outro, viemos aqui”, conta.

O casamento envolveu toda a universidade e conseguiu movimentar um grande número de pessoas. Também contou com a participação de empresas, como a Universidade Norte do Paraná (UNOPAR), a Sergio Figueiredo Decorações e o Instituto Embelleze. “A importância do evento é, realmente, propiciar para essas famílias um pouco mais de cidadania. Essa oficialização é essencial para eles não só pela questão burocrática, mas também pela questão emocional. A universidade, tendo a chance de participar de um momento como esse, está realmente exercendo o seu papel de prestadora de serviços à comunidade. Não é só fazer pesquisa e ensinar, mas também estabelecer esse contato com a sociedade”, conclui a professora doutora Cristiane de Conti Medina.

Crédito foto: Fernanda Cavassana

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: