Rádio UEL FM organiza II Festival de Música

Festival de música busca levar artistas independentes a tocarem em rádios por todo o Brasil 

Rádio UEL FM coordena Festival de Música da ARPUB no Paraná

Edição: Beatriz Pozzobon

Pauta: Cláudia Yukari Hirafuji

Reportagem: Pamela Oliveira

“É um festival que visa levar músicas independentes e de qualidade para as rádios públicas do país”, diz Rogério Cavalcante, coordenador do II Festival de Música da UEL FM, formado em Jornalismo pela Universidade do Norte do Paraná (Unopar). Segundo ele, o diferencial deste festival de música em relação aos outros é a circulação das músicas dos vencedores nas principais rádios educativas e públicas do Brasil. Rogério Cavalcante explica que este festival busca revelar e divulgar gravações de obras inéditas, conseguindo garantir a circulação da música independente por bastante tempo.

As inscrições para o II Festival de Música da UEL FM ocorreram em junho, sendo que havia duas categorias para a inscrição: melhor música com letra e melhor música instrumental. Para se inscrever, era necessário obrigatoriamente ser inédita a exibção do material. O inscrito também deveria ser natural do Paraná, podendo estar morando fora do estado.

Rogério Cavalcante informa ainda que o festival começou a partir da iniciativa da Rádio Educadora FM, de Salvador, Bahia, servindo como embrião. A partir dela difundiu-se pelo país. Segundo ele, a Rádio UEL FM não realizou o festival no ano passado, mas voltou este ano, pois consideram Londrina uma “cidade muito plural, com muitos bons músicos”. “Temos um curso fantástico de música na UEL, então decidimos abraçar isso, pelo prazer e pela importância de ver Londrina inserida neste circuito nacional”, completa.

De acordo com Rogério Cavalcante, a UEL faz parte da Associação das Rádios Públicas do Brasil (ARPUB), que foi quem decidiu organizar o festival para mostrar “outro lado da música brasileira, que é um lado muito forte e maduro”.

A seleção dos vencedores da etapa regional está ocorrendo conforme a decisão da banca de jurados formada por José Flávio Garcia, colaborador da Rádio UEL, e outros dois produtores.  “Repassamos o material, eles ouviram faixa por faixa. Agora estão escolhendo os finalistas, estes irão para a etapa nacional, em Salvador, no fim do ano”, diz o coordenador.

No último dia 25, a Rádio UEL FM divulgou os nomes dos dez semifinalistas, dentre eles: Francisco Klank, de Aracaju, Sergipe, na categoria “Música Instrumental”, com a música “Não dá pra dizer”; e Anwar Houly, de Londrina, na categoria “Música com letra” com a faixa “O tempo”. As músicas destes semifinalistas farão parte da programação musical da Rádio entre os dias 26 de julho e 05 de agosto. A divulgação dos nomes dos dois finalistas ocorrerá no dia cinco deste mês, no programa Trêm das Onze, da Rádio UEL. Estes passarão para o III Festival de Música da ARPUB.

O jornalista Rogério Cavalcante comenta que Londrina está muito bem posicionada no âmbito do Paraná, informando que Curitiba não participou este ano por não ter obtido nenhuma inscrição. “Nós do norte do Paraná estamos muito bem posicionados em relação a outras grandes capitais”, explica ele.

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: