Biblioteca Central comemorou semana nacional do livro

Universidade ofereceu programação na semana nacional do livro e da biblioteca

Pauta: Claudia Yukari Hirafuji
Reportagem: Rosana Reineri
Edição: Karina Constancio

O evento teve como tema central a ampliação dos canais de comunicação, uma vez que as bibliotecas universitárias disponibilizam conteúdos na Web

A Semana Nacional do Livro e da Biblioteca foi criada para comemorar o Dia Nacional do Livro*, no dia 29 de outubro, associando-se à biblioteca, que é tão importante quanto. A coordenadora e organizadora desta semana, a frente da Biblioteca Central** (BC) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) desde 1981, a bibliotecária, graduada em Biblioteconomia pela UEL e com especialização em Gestão Pública pelo Instituto Superior de Educação do Paraná (INSEP) e em Serviços Automatizados em bibliotecas pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Neide Maria Jardinette Zaninelli, explica que esta Semana mostra o quão a biblioteca e seus profissionais também são imprescindíveis.

O evento foi realizado entre os dias 24 a 27 de outubro e teve como tema central a ampliação dos canais de comunicação, uma vez que as bibliotecas universitárias, não somente as da UEL, disponibilizam, hoje, conteúdos na Web. “A BC agora tem twitter, tem blog, e a gente também pôs o chat”, conta a coordenadora.

Neide Zaninelli comenta que os preparativos, para que esta Semana fosse concretizada, começaram em maio deste ano, “De lá para cá foram diversas reuniões e muito trabalho para que tudo fosse organizado a tempo”. Segundo a organizadora, o evento teve a participação de mais de 100 pessoas, entre estudantes, de biblioteconomia, arquivologia, história e comunicação, profissionais da área e curiosos pelo tema. “Os cursos foram abertos à comunidade, na verdade foi divulgado fora da UEL, para quem quisesse participar. Inclusive, vieram funcionários e bibliotecários de outras instituições”, explica.

A programação oferecida foi bastante diversificada. No primeiro dia (24/10) houve a abertura oficial da Semana, uma espécie de confraternização entre os participantes. “Essa abertura é o lado social do evento, teve apresentação cultural, do grupo de acordeon Evelina Grandis , o lançamento da exposição: ‘Livros e Autores da UEL’ e uma mostra de fotos antigas da biblioteca, que nós chamamos de ‘memórias da BC,’” conta a Bibliotecária.

No segundo dia (25/10) foi a vez da palestra “Personal Branding: criando a sua marca profissional”, ministrada pela psicóloga, especialista em análise do comportamento, Gislene Isquierdo. Esta foi “uma palestra de motivação profissional, também não foi fechado somente para bibliotecários”, explica Neide Zaninelli. Ela conta que as palestras foram ministradas à tarde no auditório do Centro de Ciências Aplicadas (CCA) da UEL, enquanto os minicursos aconteceram, pela manhã, na própria BC. O minicurso do dia 25 abordava as técnicas de preservação e organização de acervos fotográficos.

No terceiro dia (26/10) as redes sociais entraram em discussão com a palestra “A vida em 140 caracteres: Facebook e Twitter’, ministrada pelo produtor cultural, Mateus Pacheco. O minicurso do dia foi a respeito das normas da ABNT para trabalhos acadêmicos.

“O último dia foi um pouco mais voltado para as bibliotecas universitárias . O título da palestra foi “O uso das redes sociais em bibliotecas universitárias”, voltada aos profissionais da área”, conta a coordenadora. A palestra foi ministrada pela Professora Doutora Elizabete Catarino, diretora do sistema de Bibliotecas da UEL.

A respeito da exposição “Livros e Autores da UEL”, Neide Zaninelli conta que “foi impressionante para nós mesmos, não esperávamos que tivesse um resultado tão grande de participação, porque estamos procurando mostrar, divulgar pra comunidade o quanto os nossos docentes e até funcionários tem publicações por aí. Foi bem interessante, foi gostoso fazer porque teve uma resposta da comunidade UEL, todo mundo ficou interessado em expor os seus livros e o mais interessante é que tem muitos professores que publicam os seus livros não pela UEL, mas por outras editoras comerciais ou que os patrocinam”. A exposição não contém livros de alunos, somente de professores e funcionários. “Apareceram publicações de professores que não são técnico cientifico acadêmicos, tem um livro de auto-ajuda, tem livros de poesia. Por exemplo, veio um professor de física trazendo um livro dele de poesia, ninguém esperava, porque a física é algo tão cético e um professor de matemática que trouxe um livro de auto-ajuda***.” E conclui: “Esta exposição é importante para se destacar o quanto se produz e o que se produz”.

O objetivo para as próximas edições do evento é, segundo a organizadora, promover uma exposição muito mais elaborada. Esta, segundo ela, foi apenas a primeira, mas não será a última.

*O dia 29 de outubro foi escolhido para ser o “Dia Nacional do Livro” por ser a data de aniversário da Fundação da Biblioteca Nacional, que nasceu com a transferência da Real Biblioteca Portuguesa para o Brasil. http://criancagenial.blogspot.com/2008/10/origem-do-dia-nacional-do-livro.html
**Data de Fundação: 1972 http://www.campus-oei.org/repertorio/025.htm
*** A publicação de livros de auto-ajuda surgiu da descentralização da ideologia, do crescimento da indústria editorial usando novas e melhores tecnologias de impressão e no auge do crescimento, com as novas ciências psicológicas sendo difundidas. Igualmente, serviços de auto-ajuda legal cresceram em torno da expansão do acesso às tecnologias de proteção de documentos. Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Autoajuda

Crédito da foto: Rosana Reineri

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: